O Guia Introdutório do Baralho Petit Lenormand (Parte 1)

O Guia Introdutório do Baralho Petit Lenormand (Parte 1)

6 min read

Olá! Este post tem como objectivo principal a orientação básica necessária para começar a sua jornada na leitura das cartas conhecidas como Petit Lenormand, ou baralho Cigano. Para tal, vou falar um pouco sobre a história, tipos de tiragem, bem como, o que procurar ao escolher o seu primeiro baralho Petit Lenormand.

Mas este post vem acrescido de segundas intenções… até agora todo o conteúdo da Camomila tem sido escrito em Inglês, mas ultimamente tenho sentido um chamamento para conectar com os leitores da Camomila em Português. Se gostarem do conteúdo e sentirem vontade de continuar a ler a Camomila em Português, deixem o vosso feedback nos comentários!

Uma Breve História Sobre as Origens do Baralho Lenormand

Ao contrário do que se possa pensar quando não se conhece a história deste baralho, o mesmo não foi criado pela Madame Lenormand, mas sim inspirado pela mesma.

Nascida em Alençon (França) em 27 de maio de 1772, Marie Anne Adélaïde Lenormand foi uma cartomante francesa muito popular que viveu durante o final do Século 18 e início do Século 19. A Madame Lenormand é conhecida pelos historiadores como uma das conselheiras de Joséphine de Beauharnais, a mulher de Napolão Bonaparte.

Madame Lenormand viveu durante a Revolução Francesa, a ascensão de Napoleão, bem como sua queda, viveu de seu ofício e, morreu de velhice na sua residência em Paris a 25 de junho de 1843 com 71 anos.

Os editores da época, tentaram capitalizar a reputação e o nome de Madame Lenormand, publicando os oráculos que conhecemos hoje e que possuem o seu nome, logo após sua morte.

Como Escolher o Seu primeiro Baralho Lenormand

O principal desafio ao escolher um baralho Petit Lenormand quando nos iniciamos no seu estudo é a popularidade do Petit Lenormand e a diferença entre o mesmo e um baralho de Tarot.

No Petit Lenormand, 36 cartas, os significados básicos das cartas e as combinações das mesmas criam frases que contam uma história. No Tarot as imagens das cartas – as cores, o simbolismo, os rostos, as ações e as impressões – são usadas para criar a história.

A carta do Cavaleiro, por exemplo, irá sempre significar uma mensagem, noticias, etc, independentemente do baralho. Não importa se o Cavaleiro parece ir para uma batalha ou se foi concebido como um distribuidor dos CTT. O significado permanece o mesmo.

As cartas aqui representam símbolos individuais, e não metáforas ou arquétipos definidos como no Tarot, embora possam ser associadas a alguns arquétipos. Por outras palavras, as imagens no Petit Lenormand acabam por ser um recurso mnemónico, prático, que apela directamente ao nosso subconsciente, trazendo à mente consciente factos e situações reais, bem como, sentimentos e emoções. O Petit Lenormand foca o “como” e o tarot o “porquê”.

Infelizmente, muitos baralhos Lenormand são criados por artistas com pouca ou nenhuma experiência com o conceito do Lenormand, na esperança de ganhar dinheiro rápido com a sua popularidade. Isto não significa que os novos baralhos presentes no mercado não sejam bons. Significa apenas que deve ter cuidado ao escolher o seu.

Quando se é novo no estudo do Lenormand, pode ser difícil identificar um baralho bem concebido, e temos tendência para escolher o baralho “bonito”, apenas para perceber que é difícil aprender Lenormand com o mesmo porque não foi criado por alguém que entende realmente o conceito do Lenormand.

O que ter em conta ao escolher o seu primeiro baralho Lenormand

  • Escolha um baralho simples e claro, que permita que se concentre no significado das cartas, especialmente se está apenas a começar.
  • Escolha um baralho com números nas cartas (1-36). Os números são úteis para aprender técnicas mais avançadas, bem como, para interiorizar rápidamente as cartas e seus significados.
  • Escolha um baralho com inserções (imagens) de naipes. As inserções dos naipes são como uma pequena folha de cábulas para auxiliar na memorização dos conceitos das mesmas.
  • O mais importante é que escolha um baralho de sua preferência. Usará seu baralho Lenormand por muitos anos, então compre um de que goste realmente.

Baralhos Lenormand recomendados para iniciantes

Easy Lenormand – Este baralho é baseado no clássico baralho Cartomancia Francesa e vem junto com o livro Easy Lenormand de Marcus Katz e Tali Goodwin, que ajudará nos seus estudos. O design clássico das cartas, torna mais fácil aprender várias técnicas estabelecidas.

The Fairytale Lenormand – Este baralho possui imagens lindas, inserções de naipes discretas e inclui um toque moderno! Ele contém 38 cartas em vez das 36! As cartas extras, Homem e Mulher, permitem que substitua as cartas de Homem/Mulher quando quiser fazer leituras para membros do mesmo sexo.

My Lenormand – este baralho foi criado recentemente pela Terapeuta Holística e Artista Portuguesa, Dina Guerreiro. Este baralho Lenormand reune todas as características do baralho simples, adaptado à realidade moderna, com ilustrações belíssimas, e fiel à simbologia Lenormand.

curso gratis tarot
Espero que tenham gostado da primeira parte deste post, para a semana vamos aprofundar mais este guia Lenormand, com os tipos de tiragem e métodos de interpretação do baralho Lenormand.

Back to Top